Terapeuta: qualidades de um bom profissional

Terapeuta: qualidades de um bom profissional

O que é um terapeuta?

Quais as qualidades de um bom terapeuta?

Como posso ser um terapeuta melhor?

Onde posso encontrar um terapeuta?

Caso você esteja em busca de um profissional para lhe atender, vou te mostrar as qualidades que você deve procurar em um terapeuta, assim como onde procurar um profissional.

Mas, se você já trabalha com saúde mental, neste artigo estarei revelando como você pode se destacar na área.

Este é um tema de extrema importância, visto que hoje em dia têm aparecido cada vez mais “terapeutas” por aí.

Terapeuta ou psicólogo?

Homem com dúvida sobre a diferença entre terapeuta e psicólogo.

O terapeuta é aquele que promove a resolução de um problema, seja físico ou mental, aos seus clientes, como por exemplo um fisioterapeuta ou psicoterapeuta, não sendo necessariamente formado em Psicologia.

Já o psicólogo, pelo contrário, é o profissional formado na área da Psicologia.

Neste artigo nosso foco será apenas os psicoterapeutas, ou seja, o terapeuta que lida com problemas mentais e emocionais das pessoas.

Terapeutas competentes têm estas qualidades

As qualidades de um terapeuta competente.

Como alguém que constantemente deve lidar com pessoas, o terapeuta deve possuir certas habilidades, que são muito importantes para dar aos clientes um atendimento de qualidade, que resolva realmente seu problema.

1. Empatia

O terapeuta precisa aprender a ter empatia, a se colocar no lugar da outra pessoa.

Quando exercemos bem a empatia, conseguimos nos conectar melhor com nossos clientes, o que influencia positivamente no tratamento.

Nesta área você trabalhará com pessoas, por isso você precisa saber lidar com elas.

2. Se conecta com o cliente

É imprescindível que o terapeuta aprenda a se conectar de forma natural com o cliente. Isto ajudará muito no tratamento, deixando o cliente mais confortável por estar com alguém de confiança e se abrindo para o tratamento.

3. Não julga

Para nós, seres humanos, é completamente normal julgar as outras pessoas, e isso acontece involuntariamente.

Porém, como um profissional, você deve deixar o preconceito de lado, ainda que haja divergência de valores, evite imposições e reprovações.

Além de isso atrapalhar a sua conexão com o cliente, você pode acabar afetando diretamente no seu tratamento.

4. Sabe ouvir

O bom terapeuta é capaz de ouvir seu cliente. Se ele precisar falar, deixe-o falar.

Nos momentos em que o cliente estiver falando, é importante também fazer uso da escuta ativa, isto é, demonstrar interesse sincero no que é dito.

Afinal, ninguém gosta de ser ignorado.

5. Age eticamente

Agir de maneira ética é fundamental para o crescimento não apenas do terapeuta, mas do nosso ofício e também da sociedade como um todo.

Para isso o Método Kraisch® foi a primeira escola brasileira a criar um Código de Ética e Conduta, que norteia nossas ações como terapeutas bem-intencionados.

6. Não pressupõe

Este ponto está relacionado com não julgar o cliente, porém nele existe algo mais perigoso.

Muitas vezes, terapeutas acabam jogando suas crenças de como as coisas foram, são ou deveriam ser. Um exemplo disso é o terapeuta que diz ao seu cliente que o problema dele hoje existe porque ele deve ter sofrido um trauma muito grande na infância.

Veja bem, não é possível generalizar as causas de problemas emocionais. Pois cada pessoa teve uma experiência de vida completamente diferente da outra até o momento da terapia.

Quando o terapeuta diz tal coisa, o cliente acaba realmente acreditando, de modo que busca memórias e justificativas para tornar a afirmação do terapeuta verdadeira.

Isso obviamente irá atrapalhar a terapia, já que nunca será tratado o problema de fato. No máximo será resolvido o espantalho criado pela crença do terapeuta.

Então, se o seu terapeuta disser para você que o seu problema existe porque foi estuprado na sua infância, porque você sofreu algo na sua vida passada ou por causa dos alienígenas do espaço, não faça a terapia com esse sujeito.

7. Deixa o cliente viver

Terapeuta não é pai, não é mãe e não é amigo. Ele é apenas a pessoa que, durante um período, lhe ajudará a resolver algum problema seu.

Depois desse tempo, o cliente deve seguir com sua vida.

Caso o cliente não esteja preparado para viver a própria vida sem ajuda, significa que o trabalho do terapeuta não foi bem-sucedido.

Como evoluir como terapeuta

Homem subindo degraus desenhados, simbolizando uma evolução como terapeuta.

Não tenha medo de se vender

Venda-se.

Faça seu marketing, do contrário, como você conseguirá clientes?

Não adianta ser um ótimo profissional que resolve de vez os problemas de seus clientes se eles não sabem que você existe.

Multidisciplinar

Os problemas de seus clientes não se resumem apenas ao emocional.

É importante que eles possuam alguma espécie de acompanhamento com outros profissionais também, como nutricionistas e endocrinologistas.

Dê um atendimento diferencial para seus clientes.

Terapeuta precisa de terapia

Sem dúvida, trabalhar com a mente humana exige dedicação. Em um ambiente clínico, onde você diariamente lida com as dores de outras pessoas, é importante manter sua saúde mental em dia.

Por isso, aconselhamos nossos estudantes a fazerem terapia com outros terapeutas Método Kraisch®, para assim não sofrerem ao lidarem com as dores de outras pessoas que possam mexer com eles.

A terapia Método Kraisch® é muito útil também para o autoconhecimento do terapeuta, que será capaz de discernir o que é dele e o que é do outro. Assim, desenvolve-se o controle das emoções, o que torna o terapeuta realmente apto para atender outras pessoas.

Se atualize

Nunca deixe de estudar. Esteja sempre aprimorando o seu conhecimento através de livros úteis, palestras e artigos científicos. Esteja por dentro das novas informações da área.

Sabendo dessas coisas, o que você, terapeuta pode fazer a partir de agora?

Se você quiser conhecer a formação que vem transformando cada vez mais vidas pelo Brasil afora, e com isso melhorar ainda mais seus atendimentos, venha conhecer o Método Kraisch®.

Agora que você sabe o que buscar em um terapeuta para receber um atendimento de qualidade, procure um terapeuta Método Kraisch®!

Todos os nossos terapeutas são completamente capacitados para dar um atendimento de qualidade aos seus clientes, e ajudar a resolver seus problemas emocionais.

Compartilhe

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no tumblr
Compartilhar no whatsapp

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *