Hipnose na odontologia: saiba como funciona

A hipnose é uma técnica poderosa que pode oferecer diversos benefícios nas mais variadas áreas da vida. Na saúde, ela tem sido muito eficaz e auxilia os profissionais a realizar diversos tratamentos com resultados extremamente satisfatórios. Existem diversos artigos científicos que comprovam a eficácia na aplicação da técnica. Com a hipnose na odontologia não é diferente.

A ferramenta já é muito utilizada por profissionais da área que desejam ser mais competitivos e se destacar no mercado odontológico. No entanto, ainda há uma certa resistência para quem ainda não conhece a técnica e suas vantagens.

Quer entender melhor como aplicar hipnose na odontologia e melhorar os resultados do seu paciente? Confira tudo nesse artigo!

Origem da hipnose na odontologia

A hipnose na odontologia, ou hipnodontia não é uma técnica nova. Foi utilizada pela primeira vez por J. V. Oudet, em 1836, quando uma extração dentária sem anestesia e sob hipnose foi realizada. Desde então, houve um grande avanço para aprimorar o procedimento e as possibilidades de aplicação em tratamentos dentários.

Em 1950, foi realizada no Brasil a primeira conferência sobre hipnose, trazendo um novo olhar sobre a técnica para os dentistas. Já a regulamentação da hipnose na odontologia aconteceu em 2008, durante o Fórum para Regulamentação das Práticas Integrativas e Complementares à Saúde Bucal, promovido pelo CFO.

A prática é regulamentada pelo artigo 6 da  Lei nº 5.081, de 24/08/66 do Conselho Federal de Odontologia/CFO e exige que apenas profissionais habilitados e com cursos específicos podem aplicá-la em seus consultórios.

Benefícios de utilizar a hipnodontia

A hipnose oferece inúmeros benefícios, não só na odontologia, como em diversas áreas da saúde. A prática é capaz de reduzir a dor ou até mesmo eliminá-la. Além disso, é uma ótima ferramenta que auxilia em diversos tratamentos e até na realização de cirurgias sem anestesia. Veja os principais benefícios de aplicar a hipnose na odontologia.

Facilita o atendimento

Muitos pacientes têm pânico de ir ao dentista e ficam muito ansiosos durante a consulta. Com a hipnose na odontologia é possível controlar esses sintomas e realizar o procedimento clínico da melhor maneira, consequentemente, o atendimento se torna mais rápido e eficiente.

Evita traumas nas crianças

O trauma das crianças ao visitar o dentista é algo muito comum. Com a hipnodontia é possível oferecer muito mais conforto e tranquilidade no atendimento. Dessa forma, é possível evitar futuros traumas causados por algum procedimento mais invasivo feito durante o atendimento.

Inibe a dor

Em muitos casos a hipnose na odontologia pode ser uma ótima maneira de inibir a dor do paciente. Devido ao estado de relaxamento que a prática proporciona e a algumas técnicas aplicadas ao procedimento, o paciente consegue ficar mais confortável e não sentir dor.

Melhora a percepção de tempo pelo paciente

A sensação de redução de tempo é percebida pelo paciente hipnotizado durante o atendimento no consultório odontológico. Isso ocorre porque ele entra em estado de relaxamento e não percebe o tempo passar.

Controla a salivação

Outro ótimo benefício da hipnodontia é o controle de salivação. Isso porque quando o paciente encontra-se relaxado e calma, acaba produzindo menos saliva, facilitando o atendimento pelo dentista.

Reduz o desconforto

A hipnose na odontologia é bastante utilizada por oferecer benefícios a pacientes que possuem traumas psicológicos. A técnica permite que o paciente fique mais calmo e seguro para que o dentista consiga realizar qualquer procedimento na clínica. Isso ajuda, inclusive, a reduzir a fobia de agulha que muitas pessoas têm.

Evita o uso de anestésicos

A aplicação da hipnose na odontologia permite “anestesiar” o paciente, dispensando assim a utilização dos fármacos. Devido às técnicas aplicadas pelo dentista, o paciente relaxa, removendo a sensação de dor durante o tratamento.

Não tem contra indicação

A hipnose na odontologia não tem contraindicação e isso é um ótimo benefício tanto para o profissional quanto para seu paciente. Isso porque se trata de um processo natural da mente e que todas as pessoas estão aptas a receber. No entanto, é necessário ter o consentimento do paciente para que a técnica seja aplicada.

Como a hipnose é usada na odontologia

Antes de tudo é fundamental salientar que a hipnodontia deve ser utilizada apenas por profissionais especializados e habilitados para aplicar a técnica. Além disso, é necessário ter sigilo, conhecimento e saber identificar em que momento a ferramenta pode ser eficiente, preservando também a integridade física, emocional e mental do paciente.

A hipnose na odontologia é feita através da comunicação. Em conversa com o paciente, que pode estar com os olhos abertos ou fechados, o dentista consegue sugerir ações, sentimentos, entre outros. Gradualmente, o mesmo entra em estado de relaxamento, permitindo que o atendimento seja feito com mais tranquilidade.

Existem diversas funcionalidades para aplicar a técnica no consultório odontológico. Confira algumas delas.

Para substituir a anestesia

Como já falamos anteriormente, a hipnose na odontologia é muito eficaz para substituir o uso de medicamentos como a anestesia. Esse recurso é doloroso, incomoda o paciente e em alguns casos, pode causar alergias.

Neste caso, a técnica pode ser utilizada de forma simples, levando o paciente ao estado de relaxamento e inibindo a dores, através de comandos dados pelo dentista. Todo o desconforto é eliminado durante o procedimento, garantindo muito mais qualidade e eficácia no atendimento.

Ajudar na mudança de hábitos

Muitos tratamentos exigem uma mudança nos hábitos dos pacientes e sabemos que isso nem sempre é fácil. Utilizando as técnicas de hipnose na odontologia, é possível parar com o uso de chupetas, mamadeiras, evitar o ranger dos dentes, entre muitas outras “manias” difíceis de lidar.

Acelerar a recuperação

A recuperação de alguns procedimentos mais invasivos acaba se tornando muito mais rápida e fácil se o profissional usar a hipnodontia. A técnica é capaz de auxiliar no bem-estar do paciente e acelerar a recuperação do procedimento, garantindo também mais qualidade e eficácia ao tratamento.

Controle de sangramento

Em alguns procedimentos mais agressivos é comum o sangramento nas gengivas. A tensão do paciente intensifica o risco desses sangramentos e até mesmo de feridas durante o tratamento. No entanto, com as técnicas de hipnose na odontologia, o paciente consegue se manter calmo, ajudando a controlar esse tipo de problema.

Ajudar no atendimento a crianças

Muitas crianças têm medo de ir ao dentista devido ao barulho dos aparelhos utilizados no atendimento ou até mesmo por outros fatores corriqueiros. Para isso, a hipnose na odontologia pode ser muito eficaz, pois acalma a criança e a deixa segura e confortável para realizar qualquer procedimento no consultório.

Dar mais tranquilidade para o trabalho do dentista

A ansiedade e o medo do paciente são os principais fatores que atrapalham o atendimento odontológico. Além disso, em alguns casos podem ocorrer episódios de bruxismo, falta de ar, taquicardia e até mesmo excesso de sangramento.

Neste caso, com a hipnodontia o paciente fica mais relaxado e seguro. Isso promove um ambiente de trabalho muito mais tranquilo para que o dentista possa focar nos detalhes do tratamento. Além disso, os procedimentos são realizados com mais eficácia e agilidade.

O que é necessário para aplicar a técnica no consultório?

Para aplicar a hipnose na odontologia é necessário ter habilitação e passar por um curso de formação de hipnólogo de pelo menos 180 horas. A hipnose é reconhecida pelo Conselho Federal de Odontologia como uma ferramenta que contribui para a eficiência do tratamento.

Qualquer profissional pode realizar o curso e tornar-se um hipnotista hipnoterapeuta e aplicar as técnicas para dar mais qualidades aos seus atendimentos. O principal foco é resolver problemas emocionais que facilitem os tratamentos odontológicos.

Em nossa Formação em Terapia de Reintegração Implícita (TRI – também conhecida como Método Kraisch®) o profissional aprenderá não apenas a aplicação rápida da hipnose para reduzir ansiedade ou diminuir a dor, mas principalmente a lidar com as questões emocionais dos seus pacientes.

Durante a formação em TRI o profissional aprenderá a ter raciocínio terapêutico, compreendendo a mente em detalhes. Serão três etapas de conhecimento, que formam o tripé do método Kraisch® :

  • Teoria: compreender o conteúdo técnico e os conceitos teóricos apresentados na Formação, na plataforma e nos encontros coletivos entre terapeutas.
  • Terapia: continuar seu processo de autoconhecimento e maturidade emocional através da prática de autoterapia, ser conduzido em terapia por algum colega e praticar com outras pessoas (profissionalmente ou não)
  • Supervisão: seguir as orientações e estudos de casos com o auxílio de um terapeuta mais experiente.

O tripé permite que você compreenda profundamente nossa metodologia e abordagem teórica, pratique a autoterapia ensinada, além de ser atendido por outro colega e atender (profissionalmente ou não) outras pessoas, além de participar dos encontros de Supervisão on-line.

Ao final do curso, você estará pronto para aplicar as técnicas com excelência em seus pacientes. Também poderá conduzir sessões de terapia de forma privada ou de forma coletiva, como palestras ou cursos.

Além disso, você terá todo o apoio, através de grupos de mentoria (via Whatsapp), para tirar dúvidas e participar de aulas online continuamente. Terá à disposição também uma vasta biblioteca com terapias gravadas, aulas de marketing, contabilidade, supervisão de casos e muitos outros materiais e ferramentas que te auxiliam a montar seu consultório e ter sucesso na sua clínica.

Quer expandir seu conhecimento, ajudar mais seus pacientes e ser muito mais competitivo no mercado? Acesse o link e inscreva-se!

Compartilhe

Compartilhar no twitter
Compartilhar no facebook
Compartilhar no email
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no tumblr
Compartilhar no whatsapp

TALVEZ VOCÊ TAMBÉM GOSTE

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *